5 dicas para uma boa Apresentação de Vendas

December 21, 2017

 

Fazer apresentações de vendas, quer sejam propostas ou apresentações dos nossos produto e serviços pode ser ligeiramente stressante ou incrivelmente divertido, dependendo do seu estilo comportamental.

Se fizer parte do grupo que teme apresentações ou discursos, descanse não está sozinho. De acordo com estudos realizados (estudos à população americana – Washington Post) uma das maiores fobias é o medo de falar em público, mais de 25% das pessoas tem medo de falar em público. Pode não parecer muito, mas se lhe der a perspectiva de que este medo está à frente do medo das alturas, insectos, cobras, sangue ou agulhas verá que é algo que muitos receiam.

 

A verdade é que dependendo de como você é, mais extrovertido, mais reservado, mais orientado para a acção ou mais analítico poderá sempre preparar as suas apresentações de forma mais cuidada assegurando deste modo um maior impacto na sua audiência.

 

5 dicas que o ajudarão a realizar melhores apresentações:

 

1) Comunicação corporal

A comunicação corporal diz muito sobre nós, desde a postura aos gestos até à expressão facial e contacto visual, determinando a forma como pode ser apercebido.

Quando nos sentimos seguros, temos uma postura de vitória, peito cheio, expressão forte, corpo direito ou se sentados, de costas direitas. Contudo se nos sentimos inseguros tendemos a nos curvar e estar fechados.

É preciso ter em mente que a nossa postura corporal muda a nossa mente e a nossa mente muda o nosso comportamento e o nosso comportamento o que fazemos. Para se conseguir isto, influenciar o nosso comportamento, sugiro que faça uma pose forte, de poder, por exemplo ponha-se de pé com as mãos na cintura e olhe em frente com um ar poderoso, ou sente-se na cadeira de costas direitas corpo para trás e mãos atrás da cabeça. Faça isto momentos antes de entrar em cena, para a sua apresentação, de forma a que se sinta bem consigo e seguro com o que vai fazer.

Quando nos fazemos sentir poderosos e seguros no que vamos fazer esta passa a ser a nossa realidade interior, “repita até que essa seja a sua verdade!”

 

2) Forma de memorizar

Muitas vezes, quando nos é pedido para memorizar algo adoptamos o método de “marrar até à morte”. Focamo-nos apenas nas palavras, na sentença e na sua ordem, repetindo-a inúmeras vezes até conseguirmos repetir as palavras e as frases pela mesma ordem. A memorização muitas vezes faz com que não percebamos o que está escrito e, por conseguinte, a mensagem que estamos a tentar passar.

Quando estamos frente a uma plateia a forma de memorizar pode contribuir para um estado de ansiedade e assim afastar-nos do verdadeiro objectivo da apresentação. Como coach sugiro que não memorize cada palavra do discurso, evitando assim situações de stress desnecessário não perdendo o impacto da sua apresentação.

É claro que tem de estar familiarizado com a sua apresentação antes de a fazer, mas memorizá-la palavra a palavra vai fazer com que fique nervoso e afastá-lo do verdadeiro objectivo da sua apresentação.

 

3) Conte uma história

Todas as pessoas gostam de uma boa história. Então porque não incorporar uma na sua apresentação, de forma que esta motive e contribua para o ponto que pretende levar a sua plateia.

Se a história estiver alinhada com a apresentação permite uma ligação emocional com a sua audiência e fará com que o seu discurso seja memorável.

 

4) Pratique

Diz-se que a pratica leva-nos à perfeição. Não quero dizer com isto que deste modo irá fazer a melhor apresentação de sempre, mas que o treino é a chave do sucesso, para tudo, isso não há duvida.

Idealmente deverá fazê-lo na sala em que vai fazer a sua apresentação de forma a se habituar ao espaço, aos sons que esta reproduz, às luzes ao ambiente que irá reproduzir para a sua audiência. Deste modo terá uma noção mais clara do eco que irá produzir.

Além disso vai permitir-lhe experimentar a tecnologia que irá usar, afinar o que for necessário, familiarizar-se com o que vai usar e deste modo, no dia D, tudo tenderá a correr bem e se não correr ficará mais tranquilo pois sabe que fez tudo para que corresse bem.

 

5) Tenha suportes visuais

O suporte que for usar deve-se resumir a “bullet points”. O suporte tem de ser algo fácil de se entender e garantir que a sua audiência não fica presa à informação que lá está, não prestando atenção ao que você diz.

Uma audiência que esteja a ouvi-lo está emocionalmente ligada a si, mais do que uma que esteja a ler o que está a projectar. Uma audiência que ouça atentamente o que estiver a dizer, tem o pensamento sincronizado consigo e deste modo o nível de compreensão é muito superior. Não distraia a sua audiência com informação que a distraia daquilo que você deseja transmitir.

Portanto da próxima vez que for liderar uma apresentação, a um cliente ou internamente para a apresentação de objectivos para 2018, leve estas 5 ideias em consideração e lembre-se de dar luz à pessoa que é.

 

Vender é transmitir uma ideia que responda às necessidades, mas que envolva que a vai ouvir. Faça-o de forma inesquecível.

It’s all about sales!

Please reload

Posts Em Destaque

É verdade, tudo tem a ver com vendas!

 

Este espaço também, tem a ver com vendas mas, principalmente com Vendedores.

 

Pretende ser um tributo aos Vendedo...

Tem tudo a ver com Vendas

April 4, 2016

1/1
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© 2016 by Ambiente Positivo.